LAR BETÂNIA: O atendimento à infância abandonada em Maringá – PR

Ângela Mara de Barros Lara, Tânia dos Santos Alvarez da Silva

Resumo


O presente artigo discute as políticas públicas de atendimento à criança e ao adolescenteem situação social de risco, na cidade de Maringá-PR, por meio da história do Lar Betânia,um abrigo fundado em 1965, no sistema casa-lar. A instituição que, em muitos períodos desua história chegou a atender, simultaneamente, 100 crianças vive hoje, a possibilidade desucumbir diante da atual filosofia do Estado de priorizar a permanência do menor junto àfamília biológica e, na impossibilidade dessa convivência, encaminhá-lo para acolhimento,junto às famílias cadastradas e preparadas para atuarem como famílias temporárias. Estadiscussão só foi possível a partir do estudo dos pressupostos que evidenciam o papel doEstado e dos direitos sociais na sociedade em que vivemos.

Palavras-chave


Estado; Políticas Públicas; Educação; Direitos Sociais; Abrigos para crianças em situação social de risco

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.