Histórico


Definições

Arquivo é uma entidade administrativa responsável pela custódia, pelo tratamento documental e pela guarda dos acervos sob sua jurisdição. Documento de Arquivo é aquele que um determinado organismo - seja ele pessoa física ou jurídica - produz no exercício de suas funções e atividades. Essa produção pode significar tanto a elaboração do documento pelo próprio organismo, como a recepção e guarda de outros documentos e podem abranger tanto a esfera pública com a esfera privada.


Criação

A iniciativa de propor a implantação do Arquivo Setorial da Faculdade de Educação (ASFE) partiu de uma reunião técnica promovida pelo Arquivo Central/SIARQ, com todos os Assistentes Técnicos de Direção, em dezembro de 1999, quando foi apresentada a necessidade da efetivação de Arquivos Setoriais em todas as Unidades, para atender a Deliberação CONSU-A-8/95. [Deliberação CONSU-A-039/1989, de 20/12/1989 - Dispõe sobre a Criação da Coordenadoria do Sistema de Arquivos como órgão complementar da Universidade, extinguindo o Centro de Informação e Difusão Cultural da UNICAMP]

Nesta reunião, foi exposta a necessidade de cada unidade criar seu arquivo setorial e implementar a Tabela de Temporalidade, posteriormente publicada em Diário Oficial do Estado a qual nortea todo o trabalho destes arquivos.

Nessa ocasião, com anuência da Direção da FE, foi solicitada uma assessoria ao Arquivo Central da Unicamp e criado um grupo de trabalho para o desenvolvimento de levantamentos em arquivos existentes na Faculdade.

O apoio do SIARQ envolve, além dos trâmites legais de instalação que as Deliberações do CONSU prevêem, visitas de técnicos do Arquivo Central, bem como participação conjunta de ambas as partes no desenvolvimento do trabalho em geral.

O arquivo, em seu primeiro levantamento documental, possui documentos desde 1965, caracterizando um aspecto histórico, além do administrativo, porque reflete a criação e o desenvolvimento da Faculdade de Educação dentro da Universidade e o seu reflexo para uma sociedade mais ampla. Reflete também seu caráter educacional que é a base fundamental desta Faculdade em todas as suas atividades, sejam elas de cunho acadêmico, de ensino e pesquisa e funcional, além de estar apropriado para apresentar um suporte documental substancial para o público alvo.

A Faculdade de Educação vem investindo nos últimos anos nas pesquisas sobre Memória de Educação através dos Grupos de Pesquisa: GEPEMEMO - Grupo de Pesquisa Memória - História e Educação; HISTEDBR - Grupo de Estudos e Pesquisas História, Sociedade e Educação no Brasil; CEMPEM - Círculo de Estudos Memória e Pesquisa em Educação Matemática; FORMAR - Grupo de Estudos e Pesquisas em Formação de Professores da Área de Ciências; GEPEC - Grupo de Estudos e Pesquisas sobre Educação Continuada e GPDISC - Grupo de Estudos e Pesquisa em Educação e Diferenciação sócio-cultural.

Registramos no ano de 2000, dois momentos na trajetória do arquivo. O primeiro, demonstrando o estado dos documentos que se encontravam acumulados que na realidade caracterizava um depósito inativo, "arquivo morto". O segundo momento, já diz respeito à conquista de novo espaço físico onde estes mesmos documentos foram sendo dispostos possibilitando a realização da 1a fase do trabalho (mapeamento dos documentos).


ASFE hoje

Hoje, o ASFE conta com um profissional, Especialista em Organização de Arquivos, um Auxiliar de Pesquisa, Especialista em Organização de Arquivos e um profissional voluntário, Especialista em Organização de Arquivos.