Homenagem a José Aloísio Aragão - Por Sérgio Lorenzato

Em 26 de outubro de 2016, a Direção da Faculdade de Educação da Unicamp prestou homenagem póstuma ao educador José Aloísio Aragão. A homenagem foi realizada durante evento anual promovido pela FE para recepcionar os docentes e funcionários ingressantes e prestigiar os aposentados do último período.

Em 1970, Aragão foi convidado pelo primeiro reitor da Unicamp, o professor Zeferino Vaz, a elaborar o projeto de criação da Faculdade de Educação e a dirigi-la. Com apenas 41 anos à época, o professor Aragão já acumulava experiência como educador. Havia sido diretor de três escolas de aplicação, em Londrina, Brasília e Rio Claro. Aragão faleceu no início de 1972 e não viu o projeto que idealizou para a FE ser implantado. A Faculdade iniciou suas atividades no final daquele mesmo ano e a primeira turma do curso de Pedagogia ingressou em 1974.

“Falta uma página nos registros da história da Faculdade de Educação”, disse o professor aposentado Sérgio Lorenzato, em vídeo gravado por ele a pedido da Direção da FE para relatar esse começo pouco conhecido da história da Faculdade. Ele e Aragão se conheceram quando ambos atuavam como docentes na Universidade de Brasília, no final da década de 1960. “O reitor pediu a ele para preparar a instalação de uma escola de formação de professores que primasse pela excelência. O professor Aragão passou o ano de 1971 elaborando a estrutura da faculdade que hoje nós temos. Zeferino Vaz era muito exigente e pedia sempre informações a ele sobre como estava andando o processo. Nesse meio tempo, ele também fazia convites e selecionava o corpo docente. Tive o privilégio de ele me incluir nesses convites. Todos nós estávamos preparados para em 1972 estarmos aqui no primeiro ano da FE. E acontece o evento que criou um grande vazio para nós todos, para a família, para o reitor, para nós professores”, relembra.

  • Homenagem a José Aloísio Aragão - Por Sérgio Lorenzato

Em 26 de outubro de 2016, a Direção da Faculdade de Educação da Unicamp prestou homenagem póstuma ao educador José Aloísio Aragão. A homenagem foi realizada durante evento anual promovido pela FE para recepcionar os docentes e funcionários ingressantes e prestigiar os aposentados do último período.

Em 1970, Aragão foi convidado pelo primeiro reitor da Unicamp, o professor Zeferino Vaz, a elaborar o projeto de criação da Faculdade de Educação e a dirigi-la. Com apenas 41 anos à época, o professor Aragão já acumulava experiência como educador. Havia sido diretor de três escolas de aplicação, em Londrina, Brasília e Rio Claro. Aragão faleceu no início de 1972 e não viu o projeto que idealizou para a FE ser implantado. A Faculdade iniciou suas atividades no final daquele mesmo ano e a primeira turma do curso de Pedagogia ingressou em 1974.

“Falta uma página nos registros da história da Faculdade de Educação”, disse o professor aposentado Sérgio Lorenzato, em vídeo gravado por ele a pedido da Direção da FE para relatar esse começo pouco conhecido da história da Faculdade. Ele e Aragão se conheceram quando ambos atuavam como docentes na Universidade de Brasília, no final da década de 1960. “O reitor pediu a ele para preparar a instalação de uma escola de formação de professores que primasse pela excelência. O professor Aragão passou o ano de 1971 elaborando a estrutura da faculdade que hoje nós temos. Zeferino Vaz era muito exigente e pedia sempre informações a ele sobre como estava andando o processo. Nesse meio tempo, ele também fazia convites e selecionava o corpo docente. Tive o privilégio de ele me incluir nesses convites. Todos nós estávamos preparados para em 1972 estarmos aqui no primeiro ano da FE. E acontece o evento que criou um grande vazio para nós todos, para a família, para o reitor, para nós professores”, relembra.