Sobre a FE

Criada em 1972 para atender às disciplinas de caráter pedagógico dos cursos de licenciatura da Unicamp, a FE ampliou sua atuação na formação de profissionais em Educação a partir da abertura do curso de graduação em Pedagogia (1974) e da implantação do mestrado (1975) e do doutorado em Educação (1980).

No âmbito da graduação, a Faculdade responde pelo curso de Pedagogia e pelo curso de Licenciatura Integrada em Química e Física (compartilhado com duas outras unidades da Unicamp), e também oferece disciplinas para os demais cursos de licenciatura da Universidade.

Considerada uma das mais importantes da América Latina, a sua Pós-Graduação em Educação exerce papel fundamental na composição dos quadros de ensino superior no Brasil. Com a expansão da pós-graduação em educação, muitos mestres e doutores formados pela FE-Unicamp são responsáveis pela instalação de novos programas nas mais diversas regiões do país. Desde 2011, a FE também forma educadores no Programa de Pós-Graduação Multiunidades em Ensino de Ciências e Matemática (Pecim), executado em cooperação com os institutos de Física, Química e Geociências da Unicamp.

Seus docentes organizam-se em grupos de pesquisa que abordam diversas temáticas no campo da educação. Participam das pesquisas empreendidas pelos grupos alunos de graduação e pós-graduação, bem como pesquisadores da rede de relações que a unidade mantém com instituições de vários estados brasileiros e de países como Alemanha, Argentina, Chile, Colômbia, Estados Unidos, França, Itália, Portugal e Uruguai. Os numerosos convênios e acordos de cooperação nacional e internacional têm ainda propiciado uma intensa mobilidade de professores e pós-graduandos da unidade entre diferentes instituições.

Na área da extensão, a FE possui tradição em parcerias com órgãos públicos, aos quais atende com uma série de ações, como a promoção de cursos de capacitação de professores e gestores das redes públicas de ensino de todo o país, influenciando na melhoria do sistema educacional brasileiro.

A Faculdade ainda dispõe de uma sofisticada infraestrutura de ensino a distância - considerada modelo na aplicação de recursos de telecomunicação na educação, que permite a realização de videoconferências em atividades de ensino, pesquisa e eventos, em tempo real, para distintas localidades remotas e outros países.

A Biblioteca “Prof. Joel Martins” da FE conta com um acervo especializado de 47 mil volumes, entre livros, teses e periódicos. Faz parte de seu patrimônio a Coleção Particular Maurício Tragtenberg, composta por obras raras, manuscritos e objetos pessoais do intelectual, totalizando 10 mil volumes. O Centro de Memória da Educação da FE abriga ainda a Coleção Particular Malba Tahan (pseudônimo do professor Júlio César de Mello e Souza), composta pelos “Diários de viagens”, “Arquivo pessoal” e por 120 obras de sua autoria, sendo 35 delas sobre Educação Matemática.

Mais que qualificar profissionais para a docência e a pesquisa, a FE contribui efetivamente na formulação do pensamento nacional sobre Educação, por meio da proposição de políticas e cursos e da participação de seus docentes nas várias instâncias administrativas e deliberativas em nível regional e nacional.

 

FE em números
(dados de 2018)
Alunos de graduação564
Alunos de mestrado222
Alunos de doutorado287
Professores87
Funcionários59