Agroecologia é tema de projeto voltado a estudantes de ensino médio

Iniciativa fez parte da 15ª edição do programa Ciência & Arte nas Férias

18/02/2017 | Atualizada 18/02/2017 - 19:16
  • Atividade desenvolvida pelos estudantes. Foto: Divulgação
  • Atividade desenvolvida pelos estudantes. Foto: Divulgação
  • Atividade desenvolvida pelos estudantes. Foto: Divulgação
  • Atividade desenvolvida pelos estudantes. Foto: Divulgação
  • Atividade desenvolvida pelos estudantes. Foto: Divulgação
  • Atividade desenvolvida pelos estudantes. Foto: Divulgação
  • Atividade desenvolvida pelos estudantes. Foto: Divulgação
  • Atividade desenvolvida pelos estudantes. Foto: Divulgação

O projeto “Agroecologia e Arte: os pés na terra e a cabeça no céu” foi uma das iniciativas da FE que integraram o programa Ciência & Arte nas Férias (CAF) de 2017. Orientado pela professora Sandra Leite em colaboração com o professor Luciano Pereira, o projeto reuniu, durante todo o mês de janeiro, quatro estudantes de ensino médio da rede pública de Campinas e região para a reflexão e a troca de experiências sobre temas relacionados ao meio ambiente.

Agroecologia, cooperativismo e economia solidária foram algumas das questões abordadas pelo grupo por meio de oficinas e de visitas ao campus da Unicamp para reconhecimento da vegetação do espaço. Para Sandra, a iniciativa foi importante para conscientizar os alunos sobre sua atuação em atividades cotidianas relacionadas ao consumo, segurança alimentar, descarte de resíduos sólidos e utilização de água e energia.

Promovido pela Pró-Reitoria de Pesquisa da Unicamp, o CAF recebe anualmente, nas férias escolares de janeiro, estudantes de ensino médio de escolas públicas da região de Campinas para o desenvolvimento de atividades artísticas e científicas junto aos pesquisadores da Universidade. “Muitos desses alunos tem pouco ou nenhum contato com a universidade pública e, muitas vezes, não se sentem portadores do direito de colocar em suas vidas o projeto de frequentar uma universidade pública. É um espaço de extrema importância para criar o elo entre a Universidade e a Escola Pública”, explica Sandra.

Para mais informações e fotos sobre o projeto, acesse aqui.