Reforma do Ensino Médio - Entrevista com Nora Krawczyk

Para especialista, influência do empresariado no ensino médio brasileiro aumentou nos últimos anos

12/12/2017 | Atualizada 12/12/2017 - 10:24
  • Foto: Gustavo Lourenção

[Da Revista Olh@ares | Por Marian Dias]

1. Em 2014 a sra. publicou um artigo descrevendo a influência do empresariado nas políticas educacionais do EM. De lá para cá, avalia que outras forças vieram a se contrapor a essa tendência? Quem, atualmente, “dá as cartas” nas diretrizes do EM?

Considero que de 2014 para cá a influência do empresariado nas politicas educacionais tem se aprofundado. Naquele momento, observei o início de um processo, que chamei de renovação da racionalidade pedagógica e organizacional do ensino médio, que revelava o papel privilegiado de uma fração do empresariado nessa renovação. Também me dei conta de um forte processo de fragmentação, no interior das redes estaduais e de sua gestão politico educacional. A reforma atual do ensino médio só confirma essa tendência. 

Leia a entrevista completa.